domingo, 23 de novembro de 2014

"Bonitinhos por fora, uma incógnita por dentro"

Oi gente linda!
Estou aqui, mesmo sem tempo! rs 
Li uma reportagem que não consegui deixar de compartilhar com vocês! Ela é bem grandinha, confesso que quando a minha mãe me obrigou a ler (sim, com direito á chantagem) senti uma preguiçinha, mas vou dar uma resumida pra vocês e vai valer a pena! É sobre algumas substâncias que ingerimos sem saber o mal que elas fazem á nossa saúde.

Revista Claudia - Editora Abril; Edição Nº 11 Ano 53 / Novembro 2014 

"Os agentes infiltrados"

"Bonitinhos por fora, uma incógnita por dentro. Sem saber, ingerimos substâncias estranhas que não alteram a aparência dos alimentos, porém fazem mal á saúde" - Cristina Nabuco

Quem esquenta comida no micro-ondas em pote de plástico ou deixa no carro a garrafinha de água precisa rever esses hábitos. Sua saúde corre risco. E a silhueta também. Uma pesquisa da universidade federal do Rio de Janeiro  apresentada no principal encontro de biologia experimental do país, que aconteceu em agosto, em Caxambu (MG), mostrou que o Bisfenol A (BPA), encontrado nos plásticos transparentes à base de policarbonato, pode alterar hormônios da tireoide e levar a ganho de peso. "O BPA faz parte de um grupo de substâncias que têm a capacidade de interferir na síntese, na secreção e na ação de vários hormônios; por isso, são chamadas de disruptores ou desreguladores de endócrinos", afirma o nutrólogo Mohamad Barakat, de São Paulo. "No organismo, o BPA se comporta de maneira semelhante ao hormônio feminino estrogênio: ocupa seus receptores e afeta o funcionamento de glândulas como a tireoide, os ovários e os testículos", explica a endocrinologista Tania Bachega. Ele no entanto, não é o único intruso. Outros compostos originários do plástico (ftalatos e estireno), bem como de pesticidas, adubos químicos, aditivos sintéticos e metais pesados, oferecem riscos. Alimentos e bebidas aparentemente saudáveis podem estar carregados de xenobióticos, nome técnico dessas substâncias tóxicas estranhas no organismo. Tania suspeita que, além da quantidade e da frequência do contato, a interação entre os inúmeros compostos a que somos expostos cotidianamente produza efeitos prejudiciais, ainda desconhecidos. "Não é preciso se alarmar, mas faça o possível para minimizar a ingestão, selecionando melhor os alimentos e o modo de conservá-los",  aconselha. A médica lembra também que fortalecer as defesas do organismo ajuda a resistir aos ataques.

Os desreguladores endócrinos poder causar puberdade precoce e males que incluem obesidade, síndrome do ovário policístico, infertilidade masculina, câncer de mama e de próstata, segundo Tania. O BPA aparece não só nos plásticos mas também no revestimento de latas de ervilha, milho, molho de tomate, e afins. Está presente, ainda, em alguns tipos de papel-filme para embalar. Por ser muito instável, essa substância nociva migra para a comida, principalmente quando o recipiente é aquecido ou quando há contato entre o plástico e o alimento quente, já que o calor favorece a sua liberação. A migração também pode ocorrer no congelamento, quando o plástico é resfriado. Não há consenso sobre a dose segura de exposição, mas sabe-se que um número cada vez maior de pessoas entra em contato com ele. Em 2003, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças nos EUA coletou urina de 2.517 pessoas: 93% das amostras tinham BPA. Os mais vulneráveis Aos efeitos são bebês e crianças pequenas. Por isso alguns países (entre eles o Brasil) proibiram mamadeiras contendo BPA. As de vidro retornaram ao mercado e as de plástico são hoje a base de polipropileno, que não ofereceriam perigo. Os plásticos produzidos com derivados do petróleo alternativos ao policarbonato ainda não estão fora do grupo de risco. Até porque há versões que já se revelaram prejudiciais. Por exemplo copos descartáveis leitosos e embalagens brancas para alimentos (que parecem isopor) são feitos com poliestireno, que, ao ser submetido ao calor, libera o estireno, considerado cancerígeno. Os ftalenos, usados para deixar mais maleáveis as embalagens plásticas de alimentos processados, foram associados a diabetes e obesidade. Um biólogo da Universidade do Texas, examinou 455 tipos à venda em seu país. A maioria possuía compostos capazes de imitar o estrogênio, atuando como o BPA.
... 

É minha gente! O trem é feio né?
A matéria é maior, fala sobre a contaminação de alguns alimentos, dos aditivos nos industriais, os agrotóxicos e tem um rodapé chamado "Rede de proteção" que explica a defesa do organismo. Achei essa matéria interessante porque aposto que - assim como eu - a maioria jamais imaginava que alguns recipientes poderiam causar tantos malefícios! 
Se vocês tiverem interesse no restante da reportagem me avisem, que eu faço outra postagem, porque não achei essa matéria da revista na internet!
A cada dia fica mais difícil de manter uma vida 100% saudável e livre de substâncias tóxicas, mas não podemos desistir e devemos estar sempre em busca de novas informações, afinal ... nunca é demais! 

Achei interessantíssima essa matéria! 
E pensei logo em contar para os meus queridos leitores!
Espero que tenham gostado ... vou dormir que amanhã meu dia é muito longo!
Escrevam para nós aqui embaixo nos comentários, ou siga a nossa página no facebook aqui
Fiquem com Deus e um beijão!
Nicolle Rettore

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Tomei um chá de sumiço [VOLTEI]

Olá meninas!

Realmente estou muito sumida, deixei de postar faz algum tempinho, me desculpem meninas, hoje eu vim da um OI para vocês e avisar que eu voltei, e com força total, já estou pensando ate no próximo post que vai ser bem legal, acho que vocês vão gostar, vou tentar ser sempre criativa e criar post bem legais para vocês meninas, quero tentar interagir mais com vocês, porque se não fosse vocês não teríamos voltado, quero que vocês meninas sempre comentem no blog no face e no  instagram também, sobre o que vocês estão achando, o que querem, enfim. Por hoje é só e ate a próxima.

MIL BEIJOS, ERIKA NADESKA :* 



Instagram: @erikanadeska

segunda-feira, 19 de maio de 2014

Adeus inchaço!

Olá genteeeee!!!

Que saudade do povo mais lindo dessa internetê! hehehe.
Óbvio que eu e a Érika sentimos nossas orelhas queimando do quanto vocês estavam nos xingando pelo chá de sumiço que tomamos! Rss ...
Mas, cá estamos nós "entregues aos paraguaios" novamente! Tudo de novo! De volta aos treinos, a dieta e ao blog mais lindo desse mundo!
Me senti MEGA querida e privilegiada pelos leitores que eu tenho ... 
Nesse período em que estivemos ausentes, foram muuuuuitas mensagens de carinho no aguardo do nosso retorno! 
Pedido feito, pedido atendido! E vou começar esse post assim:
ENGORDEI! Sim, com todas as letras maiúsculas e muita dor no coração! A cinturinha de pilão foi dar uma breve passeada, mas já estou bolando um plano para resgatar essa danada! Vem comigo!
Gif
Esse tempinho (rs) em que fiquei ausente do blog, eu também me distanciei da dieta e dos treinos intensos! Não tenho um motivo sério, do tipo relacionado a saúde ou psicológico ... Só tirei umas férias da minha auto-disciplina!
Apesar da cinturinha ter me abandonado, sei que o meu hábito alimentar me ajudou muito nesse período em que eu não estava comendo de forma regrada, pois mesmo sem a obrigação de me conter diante de um delicioso arroz branco, eu ainda optava pelo integral, simplesmente por mero prazer e costume, e foi assim com muitos outros alimentos! 
Como a alimentação inadequada e o excesso de sal nos alimentos começaram a fazer parte do meu dia-a-dia, a sensação de barriga inflada e de peso nos pés e pernas, vieram de brinde!
Se você se identificou, calma ... primeiramente, antes de se desesperar - assim como eu - por achar que está engordando, saiba que barriga em excesso é uma coisa, e barriga estufada é outra! Todo esse peso extra que a balança insiste em esfregar na sua fuça pode ser retenção de líquidos e não gordura! 
A retenção de líquido se trata de um inchaço ocasionado por um acúmulo de água no nosso organismo, e esse acúmulo em excesso é responsável por essa sensação de peso.
Olha só, a cerveja por exemplo - que é algo que eu voltei a tomar - ao ingerir, fazemos bastante xixi, e temos a sensação que estamos desinchando, certo? Não se iluda! A vontade de ir ao banheiro quando bebemos cerveja realmente é muito grande, mais é só a eliminação de água da própria bebida, e não o líquido retido no corpo. Pode parecer estranho, mas é importante garantir a ingestão de líquidos apesar do inchaço, pois estimula a função renal de filtrar os líquidos e as substâncias químicas do sangue, facilitando a eliminação! E como sempre, a melhor saída é apostando na água! 
Com a mesma certeza que dois e dois são quatro, eu sei que você deve estar querendo saber o que fazer para dar cabo nisso logo! Começando pela alimentação ... 
Tire o saleiro da mesa! O principal vilão dessa história é o sódio; Apesar de ser consumido em excesso por grande maioria na forma de sal de cozinha e alimentos industrializados (molhos prontos como o ketchup e mostarda, pratos industrializados como pizzas e lasanhas) devemos evitar esse mineral! Uma boa dica - que eu uso muito - é substituí-lo por limão e ervas na salada, por exemplo.
Ainda na alimentação ... As proteínas de origem animal - carnes, ovos e leite - "puxam" a água do interior das células de gordura e liberam na circulação, o que facilita a diurese [Produção de urina feita pelos rins.]  As vitaminas B1,B5 e B6, que são encontradas em grãos integrais, carne vermelha, frutas, verduras e legumes em geral, e laticínios desnatados, auxiliam muito nesse processo pela capacidade de impedir o armazenamento de água no organismo, então não devem faltar na dieta. Alguns legumes e frutas, por serem abundantes em água, são benéficos contra o inchaço, dentre alguns então: Alface, Agrião, Pepino, Chuchu, Berinjela, Abacaxi, Morango, Melão, Melancia, etc.  
  • Curiosidade: A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que cada pessoa não ultrapasse 2,4 gramas de sódio (5 gramas de sal) por dia, mas um estudo da Universidade de São Paulo (USP) descobriu que o brasileiro consome o dobro disso, 4,5 gramas de sódio (cerca de 10 gramas de sal) diariamente. 

Não fique parada! Os exercícios físicos também são de extrema importância, eles estimulam a circulação e o fluxo de líquidos e nutrientes pelo organismo. A musculação é uma boa escolha pelo fato da contração dos músculos pressionar os glânglios linfáticos - na virilha, axilas, atrás dos joelhos e barriga - ajudando na eliminação dos líquidos. Natação também é legal, pela pressão da água ativar a circulação e estimular a diurese! 

Mas, se vale uma dica, escolha o exercício que mais se adequa ao seu perfil e bem-estar! Todo tipo de atividade física vai ser um estimulante e tanto na circulação, o que não pode é ficar parado! rs. 

Um método que é bastante usado nesses casos, é a drenagem.
"Essa massagem feita com manobras suaves leva o líquido acumulado entre as células até os gânglios linfáticos, espécie de canais por onde vai escoar de volta para a circulação para que seja eliminado pelos órgãos excretores", segundo a fisioterapeuta Vera Fernandes. 
(Li na revista Boa Forma da editora Abril que a minha mãe assina, rsrsrs)

Então é isso, fique sempre de olho nas reações que ocorrem no seu corpo, e nos resultados que os seus atos estão trazendo ... essa é a forma dele conversar com você, e te falar se tem algo errado, se está tudo legal! 
A minha alimentação influência de forma tão nítida no meu organismo, que rapidamente, meus cabelos, unha e pele, mudam drasticamente!
Essa foi uma postagem para dar inicio á nossa volta e á minha volta aos treinos; Estava sentindo muita falta de olhar no espelho á procura de alguma evolução, então percebi que chegou a hora de retomar às rédeas dessa situ! hehehe 
Espero que tenham gosto, e agora é ... 
Foco na alimentação, Força nos treinos e  em nós mesmos!


Fotos do instagram.
 Coloquei essa foto da Vanessa Mesquita - Vencedora do BBB14 - por ser um dos shapes que eu mais tenho admirado, vale a pena seguir o insta dela @vanmesquita e acompanhar o dia-a-dia dessa milionária gatíssimaaaa!!! 

Já sabem, deixem as dúvidas aqui embaixo nos comentários, seguem a nossa página no face clicando aqui, e o meu insta é @nicollerettore!! Até a próxima! Beijocasss!!
 

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Os Beneficios do Alho e da Cebola





Olá, demorei mais voltei hahaha, hoje eu vim falar sobre alho e cebola, são alimentos comuns na cozinha dos brasileiros e de fácil acesso, muitas pessoas desconhece os benefícios desses alimentos. Vem comigo e fique por dentro.
Alho - O alho é um parente das cebolas e alho-porós, tem o poder de reduzir o colesterol e a pressão arterial, tem ação germicida combatendo infecções além de possuir antioxidantes e flavonoides que combatem o envelhecimento e muitas outras propriedades. A ação mais saudável do alho é sua capacidade de melhorar as condições cardíacas, suas ações germicidas e cancerígenas. Enfim, o alho é um dos alimentos acessíveis mais saudáveis.
É lógico que a evidência clínica do valor efetivo do alho, tanto na prevenção quanto no tratamento de inúmeras afeições não se justifica apenas pelo seu conteúdo de minerais e vitaminas. Várias pesquisas têm atribuído seus efeitos terapêuticos pela presença de algumas 
substâncias. As mais importantes delas, quando o assunto é coração, são:

Óxido dialildissulfeto: com capacidade de reduzir os níveis de lipídeos e do colesterol do sangue.

Germânio: elemento condutor de oxigênio com ação revigorante e rejuvenescedora, graças à sua capacidade de conduzir oxigênio, agente hipotensores que ajudam a controlar a pressão arterial sem provocar efeitos secundários.

 Selênio: um mineral protetor do coração, pois ajuda a prevenir a formação de ateromas, de coágulos e ainda normaliza a pressão arterial.

Para completar o alho ainda tem alicina, a alina, ambas com efeitos antibactericida e anti-inflamatório

O alho previne várias coisas uma delas são: infartos, reduz a coagulação do sangue, reduz a pressão sanguínea, reduz os níveis de açúcar e glicose, ajudando no tratamento da diabetes.


Cebola - A cebola é um alimento bem nutritivo. È rica em vitamina A, vitamina B1 (Tiamina), vitamina B2 (Riboflavina), vitamina B3 (Niacina), vitamina C (Ácido ascórbico), cálcio, ferro, fósforo, magnésio, potássio, sódio e silício.

Vou citar os benefícios da cebola para nossa saúde.
É um anti-inflamatório natural.

Ajuda a prevenir problemas renais.
É rica em nutrientes importantes para a saúde.
Ajuda a prevenir doenças cardiovasculares.
Contribui para a beleza da pele e dos cabelos.
Ajuda a reduzir os níveis do mau colesterol (LDL).
Ajuda a reduzir os níveis de triglicéridos (triglicérides).
Ajuda a prevenir o câncer ou cancro do estômago.
Ajuda a prevenir doenças do sistema nervoso (Alzheimer).
Ajuda a combater doenças respiratórias (Asma Brônquica).


Consuma mais cebola e alho, depois de saber os beneficios dúvido ficar sem comer hehehe espero que tenham gostado, por hoje é só, ate outro dia meninas.


Beijos, Erika Nadeska!